domingo, 9 de dezembro de 2012

Finalização Projeto: O aluno um ser ativo no mundo da leitura e da escrita


Relatório do  projeto:
O aluno um ser ativo no mundo da leitura e da escrita
Profª Márcia





         O projeto o aluno um ser ativo no mundo da leitura e da escrita foi desenvolvido ao decorrer do ano letivo de 2012.
         O trabalho não foi fácil, considero que uma turma do terceiro ano, com vinte e três alunos, dentre eles oito meninas e dezesseis meninos.       Tendo em vista que, para despertar o gosto de ler , escrever, produzir e colorir em um público em que a maioria é masculino, é bem complicado. Mas, é claro, não impossível.
       Ao término do terceiro bimestre acreditei ter fracassado, não conseguindo alcançar todos meus objetivos. Entretanto,  felizmente nos últimos dias, os discentes despertaram e me surpreenderam novamente com seus entusiasmos, criatividade e objetividade em suas produções de textos.
          Este projeto, no início assusta, não é algo que nasce de repente, mas, considero-me satisfeita com o entusiasmo dos professores.
         A  docente Neidemárcia , mesmo com sua turminha de primeiro ano, não quis ficar de fora, depois de ter conseguido alfabetizar seus alunos somente a base de textos, desafiou-os a produzirem textos.
        Contudo, acredito que foi um sucesso aqueles pequeninos do primeiro ano, todos motivados, criando e lendo seus maravilhosos textos.
       A professora Neidemárcia aderiu realmente ao projeto que até mesmo digitou, ilustrou e fez apostilas com as produções de textos dos seus alunos.
        A professora Delizia desenvolveu um trabalho interessante, que foi os caderninhos de leitura, onde eram colados diversos gêneros textuais tendo por objetivo incentivar seus alunos a lerem, interpretarem e consecutivamente compreendem de forma lúdica a coerência textual. Os alunos montaram uma pasta com as suas produções textuais, que foram realizadas no decorrer do ano letivo. Através da pasta foi possível ver o avanço das produções dos alunos. No geral houve um grande desenvolvimento na escrita da maioria alunos. Percebe-se que ela ficou encantada com as produções de seus alunos.         
       A professora Delizia parabeniza o projeto, pois é uma forma de motivar os alunos a lerem e gostarem de produzir textos. Vale a pena todo empenho!!!
A professora Elci do 4ºano também  busca o aprimoramento das produções de texto, se emociona com o progresso de seus alunos e novamente afirma que vale a pena este trabalho.
     Logo, o professor Francisco comenta encontrar dificuldades em trabalhar produções mas seus alunos cobram, produzem  e leem textos aleatoriamente. E por este gosto de serem autores mirins, o professor diz ter mudado a sua forma de trabalhar.
          Do 6º ao Ensino Médio foi gratificante, pois houve produções maravilhosas dos discentes que até surpreenderam os professores, alunos que tinham dificuldades de produzir destacaram-se  no Projeto com suas criações. Isso é muito importante pois são frutos que estamos colhendo.
          Contudo, percebo que os professores da escola acreditam  neste projeto e ao seu modo faz um trabalho discreto de acordo com suas possibilidades ao decorrer do ano letivo. O que para mim fico feliz e considero. Pois sabemos que produzir textos não é fácil.
            Gostaria de ressaltar um acontecimento que me marcou, deixou-me pensativa e com um sorriso no rosto:   
         Uma das alunas do ginásio, que foi minha aluna , Ana Cláudia do 7º ano, me disse algo:
            “---  Professora música pode apresentar no projeto?
             ---Claro que sim, música é texto.
             --- É verdade! Música é texto, muitas coisas são textos e texto é vida, é alegria!!!”
            Nesta fala singela ela mostra o encantamento e talvez a verdadeira essência do que é o texto.
         A finalização do projeto foi muito importante, percebi a interação, a participação, interesse, motivação e sobre tudo o encantamento dos alunos no mundo da leitura e da escrita.
           Percebe-se que os prêmios, as apresentações causaram nos alunos um interesse e um orgulho ainda maior em estar mais ativo no mundo mágico das produções.
     Enfim, completo os meus relatos enfatizando a importância dos livrinhos construídos pelos próprios alunos, que ao levarem o livro para casa, leem, releem, mostram a todos que os visitam. Sendo assim, só aprimoram suas leituras e  suas ideias de coerência textual.
              E, talvez seja uma pretensão minha, mas seria bem interessante distribuir esses livrinhos a outros alunos da escola Clair, pois eles pedem e mostram desejo em possuir também os livrinhos confeccionados.


FOTOS DO PROJETO:
































domingo, 2 de dezembro de 2012

Atividade sobre o dia da Consciência Negra.


No dia da Consciência Negra a professora Neide Márcia juntamente com seus alunos do 1º ano em  processo de alfabetização desenvolveram uma atividade tomando como base o livro:
Menina Bonita do Laço de Fita.





















Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Total de visualizações de página